Associado, acesse sua conta

conteúdo exclusivo para você.

Concessionária ajudará hospitais públicos e filantrópicos a reduzirem contas de luz

Concessionária ajudará hospitais públicos e filantrópicos a reduzirem contas de luz

O Programa RGE nos Hospitais, iniciativa que ajudará estabelecimentos de saúde públicos e filantrópicos a reduzirem as contas de energia elétrica, foi lançado nesta quinta-feira (9), em São Leopoldo, no Vale do Sinos. Serão três frentes de trabalho: ações de eficiência energética, investimento na melhoria dos hospitais e um programa de doação em conta de energia para hospitais. O programa é voltado para municípios atendidos pela RGE.

Em três anos, a RGE tem a expectativa de investir R$ 50 milhões em eficiência energética, instalando usinas fotovoltaicas para adoção de energia solar e substituindo lâmpadas com tecnologia obsoleta por modelos de LED. Segundo a concessionária, este é o maior investimento já registrado no Estado no sistema fotovoltaico. O valor vem sendo aplicado desde 2019, com previsão de ser quitado até 2021.

Conforme o diretor-presidente da RGE, Marco Antonio Villela de Abreu, a ação também gera ganhos ambientais. “O menor consumo de energia elétrica evita, por exemplo, o acionamento de usinas térmicas, mais caras e poluentes. Esse programa reforça o compromisso da RGE com a sustentabilidade, através de uma matriz energética renovável e limpa”, reforça Villela.

Instituições públicas e filantrópicas de saúde, nos municípios das áreas de concessão da RGE, estão aptas a participar do programa, que pretende contemplar mais de cem hospitais. A previsão é de que as instituições economizem aproximadamente R$ 6 milhões por ano nas contas de energia ao final do projeto.

A segunda frente prevê investimentos na melhoria das condições dos hospitais, ampliando a oferta de serviços médico-assistenciais e apoiando a formação, o treinamento e o funcionamento de recursos humanos. De acordo com a RGE, são cerca de R$ 4,8 milhões em investimento para melhorias no Hospital de Caxias do Sul e no Hospital Comunitário São Peregrino Lazziozi, em Veranópolis.

O terceiro pilar do programa permite a possibilidade de o cliente realizar doações para os hospitais por meio da conta de energia. O serviço já é oferecido em 94 hospitais do Rio Grande do Sul e de São Paulo.

Fonte: Gaúcha ZH

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado

CONSAUDE 2020 - ADQUIRA SEU INGRESSO  
SAIBA MAIS