Associado, acesse sua conta

conteúdo exclusivo para você.

Pacientes reclamam de mais de 12 horas de espera na UPA da zona norte de Porto Alegre

Pacientes reclamam de mais de 12 horas de espera na UPA da zona norte de Porto Alegre

Pacientes da UPA Moacyr Scliar, na zona norte da Capital, reclamam de demora no atendimento médico, que superaria 12 horas.

Cheguei às 17h (de terça-feira, 14). Agora, são quase 7h e só passei pela triagem — relatou na manhã desta quarta-feira (15) Eva Neli da Silva, 56 anos, que sofre de bronquite.

Ela acrescenta que, algumas semanas atrás, enfrentou o mesmo problema.

Sentada em uma cadeira de rodas havia 13 horas, Ilma Santos, 93 anos, buscava consulta devido à gripe. Com esforço, ela fazia força e balbucia poucas palavras:

— Tô sentada a noite toda, com dor.

A filha Sirley Santos afirma que a mãe só foi atendida após muita insistência. E reclama da falta de estrutura para os mais idosos.

— Não tem nem uma cama para ela deitar. Imagina, nesta idade. É um descaso — lamenta.

A babá Janaína Maria Silva, 44 anos, diz estar há uma semana com gripe. Preocupada com a atividade profissional, já que cuida de bebês e crianças, teve primeira triagem na UPA às 19h50min. Mas o médico a atendeu apenas perto das 7h do dia seguinte.

O aposentado Milton da Silva Rosa, 65 anos, saiu do consultório reclamando da falta de exames:

— Tô com dor em todo lado direito do corpo, e vou ter que ir a Alvorada buscar uma ecografia.

GaúchaZH aguarda um posicionamento do Gripo Hospitalar Conceição, responsável pelo atendimento da UPA.

Fonte: Gaúcha ZG

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado