Associado, acesse sua conta

conteúdo exclusivo para você.

Hospital que mantém UPA de Cachoeira do Sul pede reajuste em repasses para o serviço

O Hospital de Caridade e Beneficência (HCB) entrou com um pedido de reajuste de pouco mais de 3,5% no valor repassado pelo poder público para a manutenção nos atendimentos da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Cachoeira do Sul, no centro do Estado. Atualmente, o custo é de R$ 600 mil.

No último dia 19, a UPA completou um ano funcionando, após ficar quatro anos pronta e sem inaugurar. Atualmente, o pedido de reajuste faz com que o valor suba para R$ 621,12 mil. Conforme a prefeitura, este reajuste é previsto no contrato entre o executivo e a entidade mantenedora, e provavelmente será aceito tão logo chegue no setor de contratos da Secretaria de Administração.

Dos atuais R$ 600 mil entregues ao HCB, R$ 295 mil são custeados pelo executivo municipal, e os R$ 305 mil restantes são pagos pelos poderes públicos estadual e federal. Conforme a Secretaria de Saúde, foram recebidos R$ 300 mil do Estado, referentes a outubro de 2017, janeiro e fevereiro de 2018. O governo federal tem feito o repasse de valores regularmente, sendo que, desde abril deste ano, o valor passou a ser R$ 170 mil. Caso seja aceito o reajuste, os R$ 21,1 mil a mais virão dos cofres públicos municipais.

Fonte: Gaúcha ZH

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado